República Árabe Sarauí Democrática 1

↑ El Aaiún está nos dias de hoje ocupada por Marrocos. A capital provisória da República é Tifariti, que é em fração controlada na Frente Polisário. ↑ O português é usado como segunda língua administrativa, oficialmente reconhecido. ↑ Governo no exílio em campos de refugiados pela Argélia.

↑ Reconhecida por 82 estados. Estatísticas, não usado, na sua circunstância, mas reservado pra no momento em que se acalma. 213 nos campos de refugiados na Argélia. A RASD vem sendo reconhecida por 84 Países, se bem que este número varia dependendo da fonte. É um Estado membro da União Africana.

A República Árabe Saharaui Democrática está localizada no Norte da África, fazendo fronteira para o oeste com o oceano Atlântico, entre a Mauritânia (leste e sul) e Marrocos (norte). Também Limita ao nordeste com a Argélia. Atravessado pelo trópico de Câncer, o território é ocupado pelo deserto do Saara, sendo uma quota erg (arenosa) e outra hamada (pedregosa). A primitiva população despregou-se para o Sul contra o avanço dos berberes brancos (tribo Zanaga) do norte, o que ocorreu a penetração árabe por meio do século VIII (beduínos Beni Hassan).

  • O sonho
  • dois Superstição e psicologia 2.Um Preconceitos cognitivos
  • quarenta e seis Forças armadas
  • A atriz enzarza em um rifirrafe com ‘A Razão’ uma coisa que, garante, não falou

Depois da Guerra de África em 1860, a Espanha conseguiu o reconhecimento da linha costeira saharaui. Na Conferência de Berlim a respeito da África, reconheceu-se a Portugal uma extensão de deserto adjacente à zona costeira do Rio do Ouro.

Em 1920, a colônia se tornou o Protetorado do Rio do Ouro; em 1934 integrou com Ifni na África Ocidental Espanhola, e, em 1957, se tornou uma província de Espanha. No decorrer das últimas décadas do século XIX e a primeira metade do século XX, levam-se a cabo respeitáveis expedições científicas por cota de naturalistas espanhóis: Quiroga, Bonelli, Font Sagué, Hernández-Pacheco, Morais Agacino, etc

Estes pesquisadores foram os primeiros civis em contato com os sarauís e atingir pontos do deserto até desta forma inexplorados pros ocidentais. A tua liberdade foi suscitada pela ONU ao Brasil em 1967, todavia a briga entre a Mauritânia, o Marrocos e a Espanha, o território foi um obstáculo sério. Após uma marcha presumivelmente pacífica de milhares de marroquinos para o Sahara -idealizada pelo rei Hassan II – que depois se denominou marcha verde iniciou-se uma disputa com os habitantes autóctones do território. A batalha enfrentou os sarauís da Frente Polisário, apoiada na Argélia, contra Marrocos e Mauritânia. Em 1979, a Mauritânia, renunciou a uma fração do território que reclamava, que anexou a Marrocos, unilateralmente, e, por tua vez, reconheceu a Frente Polisário.

A República Árabe Saharaui Democrática esta subdivida em 6 províncias: Auserd, Assa Zag, Bojador, Smara, O Aaiún e Oued Ed-Dahab. As fronteiras de teu território se acumulam com as do velho Saara Espanhol administrado por Espanha (1885-1976), à exceção da Faixa de Tarfaya, entregue ao Marrocos em 1958, após a Guerra de Ifni.

Marrocos reclama direitos ancestrais sobre o território. Os objetos e infos apresentadas ao Tribunal afirmam a vivência, pela data da colonização espanhola, de vínculos jurídicos de vassalagem entre o Sultão de Marrocos e novas tribos que vivem no território do Saara Ocidental.